terça-feira, 4 de julho de 2017

AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E AS RELAÇÕES SOCIAIS DE TRABALHO NO CAPITALISMO

LEOMAR MARCHESINI ZURAVSKI LEOMAR.Z@uninter.com [associadoslionsbatel] associadoslionsbatel@yahoogrupos.com.br

20:11 (Há 1 hora)
para JoséANDREAntonioAnaANTONIOAPAVEALCIONEANTONIOARTHURAUGUSTACANDIDOCLAUDIMARCLEIRECLODOALDOCRISTIANEDAISYELIANEEUGENIOEVERSONFERNANDAGELSONGRAZIELAJACIANAJAIROJOSÉ
SEMINÁRIO:
AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E AS RELAÇÕES SOCIAIS DE TRABALHO NO CAPITALISMO

27 de julho de 2017


Local:
Alameda Dr. Carlos de Carvalho, 528 - Centro -Curitiba/PR Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região Plenário Pedro Ribeiro Tavares


O trabalho é uma atividade humana essencial na vida de qualquer pessoa, independente de possuir ou não deficiência.
Quando pensamos nas múltiplas dimensões do trabalho, logo chegamos a conclusão que ele está na própria base do nosso ser social. Porém, do ponto de vista mais prático, significa dizer que sem trabalho não temos salário, sem salário não temos dinheiro e sem dinheiro estamos excluídos do mercado de consumo. Por isso, falar em inclusão sem a respectiva garantia do direito ao trabalho, é o mesmo que imaginar que as pessoas podem sobreviver sem alimentação e água, para tomar apenas dois exemplos bem práticos.
Diante desta realidade, no atual momento histórico, precisamos aprofundar as reflexões sobre quais serão as possíveis consequências negativas das reformas propostas pelo Governo Federal, na efetivação do direito ao trabalho das pessoas com deficiência.

Programação.
8h - 8h30. Credenciamento
8h30 - 9h. Abertura
9h - 10h00. Palestra "Deficiência e trabalho: a luta pelo direito de ser explorado" (lançamento do livro digital com o mesmo título).
Palestrante: Professor Mestre Enio Rodrigues da Rosa. Formado em pedagogia, professor da Rede Estadual de Ensino, Especialização em Funda mentos da Educação, Especialista em Educação Especial com ênfase em Inclusão Educacional, Mestre em Educação e Diretor Geral do NOVO IPC.
10h00 - 11h00. Palestra "Atuação do Ministério Público do Trabalho e a inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho".
Palestrante: Dra. Andrea Lino Lopes. Procuradora do Trabalho - Ministério Público do Trabalho, lotada na Procuradoria Regional do Trabalho da 9ª Pós-graduada em direito do Trabalho e Previdenciário.
Atuou como Coordenadora Nacional da Coordigualdade. Atualmente é membro da comissão editorial da revista do Ministério Público do Trabalho e membro auxiliar do Conselho Nacional do Ministério Público.
11h00 - 12h. Debates.
12h - 13h30. Intervalo para o almoço
13h30 - 14h30. Palestra "A formação dos trabalhadores com deficiência e as relações de trabalho no capitalismo"  Palestrante: Profº Dr. Paulo Ricardo Ross. Formado em Pedagogia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), docente da UFPR e Mestre em Educação também pela UFPR e Doutorado em Educação Inclusiva pela Universidade de São Paulo (USP).
14h30 - 15h30. Palestra "Os impactos negativos da terceirização no direito ao trabalho das pessoas com deficiência"  Palestrante: Dr.
Ricardo Tadeu Marques da Fonseca. Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná, ex-Advogado, ex-Procurador Regional do Ministério Público do Trabalho. Especialista e Mestre em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho pela Universidade de São Paulo e Doutor em Direito das Relações Sociais pela Universidade Federal do Paraná.
15h30 - 17h. Debates.

PÚBLICO ALVO
Pessoas com deficiência, profissionais da Educação Especial e da educação comum, técnicos de recursos humanos, advogados, acadêmicos do direito, de pedagogia, das ciências sociais, bem como outras pessoas interessadas.

INSCRIÇÕES
As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas até o dia 24 de julho pelo telefone (41) 3342-6690, no ramal escola, com Sirlei ou Caroline, ou pelo seguinte endereço eletrônico:


Total de 300 vagas.
Haverá certificado com carga horária de 8 horas, expedido pela Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Haverá mediação linguística parta pessoas surdas pelos tradutores intérpretes de Libras da UNINTER.


Profª Leomar Marchesini
Coordenadora do SIANEE
Serviço de Inclusão e Atendimento aos Alunos com Necessidades Educacionais Especiais|Reitoria

Centro Universitário UNINTER
Campus Tiradentes
Rua Saldanha Marinho, 131, 3º andar
80410-150| Centro - Curitiba PR

Forçados a fugir | Depoimentos de migrantes no México





Publicado em 11 de mai de 2017
Relatório divulgado por MSF revela abusos sofridos por migrantes e refugiados em rotas migratórias da América Central.

Drones: uma ferramenta humanitária muito útil |





Publicado em 4 de jul de 2017
A menção aos “drones” pode causar apreensão instantânea em ambientes humanitários, inclusive em MSF, dado seu uso como ferramentas de espionagem ou “máquinas mortíferas” blindadas. No entanto, essas “câmeras voadoras” oferecem um potencial imenso para antecipar e ampliar respostas humanitárias, especialmente em áreas de difícil acesso.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Discriminação Racial não é da nossa cultura







Publicado em 3 de jul de 2017
O racismo se manifesta em palavras, posturas, escolhas. São muitas as formas, mas uma coisa é certa: é sempre crime. Para combater o racismo é necessário denunciá-lo. Saiba como fazer isso: http://bit.ly/DenuncieRacismo

Siga o CNJ também:
no Facebook - http://facebook.com/cnj.oficial
no Twitter - http://twitter.com/cnj_oficial
no Instagram - http://instagram.com/cnj_oficial
no Medium - http://medium.com/@conselhonacionalde...
no Flickr - http://flickr.com/cnj_oficial

Direção de arte: Filipe Cavalcanti/CNJ

Before Dawn by Audionautix is licensed under a Creative Commons Attribution license (https://creativecommons.org/licenses/...)
Artist: http://audionautix.com/

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Dia Internacional de Apoio às Vítimas de Tortura

Publicado em 26 de jun de 2017
“A tortura é impossível de descrever. Por mais que eu tente, você nunca vai conseguir entender exatamente. Eles amarram cabos elétricos em seus pés e mãos, e então te eletrocutam. Você não consegue ficar consciente por um minuto sequer”. No Dia Internacional de Apoio às Vítimas de Tortura, Médicos Sem Fronteiras chama a atenção para a recorrência de denúncias de torturas sofridas por migrantes e refugiados atendidos pela organização.

terça-feira, 20 de junho de 2017

Dia Mundial dos Refugiados





Publicado em 20 de jun de 2017
Hoje, enfrentamos a maior crise humanitária do nosso tempo. 65 milhões de pessoas em todo o mundo são refugiados, metade são crianças e 12 milhões são menores de oito anos. A Sésamo e o Comitê de Resgate Internacional (IRC) está em parceria para oferecer aprendizagem e apoio social e emocional para milhões de crianças afetadas pelo conflito na Síria. Estamos trazendo sorrisos e esperança para as crianças que mais precisam.

Dia Mundial do Refugiado





Publicado em 19 de jun de 2017
Um novo relatório da ONU alerta que o número de pessoas deslocadas à força subiu para 65,6 milhões no mundo em 2016.
A realidade é que a cada três segundos uma pessoa foge de sua casa por causa de guerras, violência ou perseguição.
O documento "Tendência Global: Deslocamento Forçado 2016", foi preparado pela agência das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, para marcar do Dia Mundial do Refugiado, esta terça-feira, 20 de junho.
Segundo o Acnur, o resultado atual mostra um aumento de 300 mil nos deslocamentos forçados comparado com o que foi registrado no ano anterior. Desse total, 22,5 milhões são refugiados.
Este vídeo produzido pela ONU mostra como uma família de refugiados sírios está vivendo atualmente em Portugal.
Com a ajuda do governo português, da agência das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, e de um ONG, a família está trabalhando e os filhos estão na escola.

VIDEO "20 de junio. Día Mundial del Refugiado"





Publicado em 8 de jun de 2016
El 7 de junio se presentó el vídeo “20 de Junio. Día Mundial del Refugiado”. Este vídeo ha sido realizado por los corresponsales juveniles de centros de formación de Mislata, una actividad que tenía como objetivo que los jóvenes estudiantes se implicarán, sensibilizarán en torno a la situación actual de desplazamiento forzado en el mundo y la situación de los refugiados en Europa y España

Evento multicultural em Brasília marca Dia Mundial do Refugiado Evento r...







Publicado em 19 de jun de 2017

Mensagem de vídeo sobre o Dia Mundial do Refugiado 20 de junho de 2017





Publicado em 19 de jun de 2017
Como é fugir da guerra, dos desastres ou da perseguição?

Ter que deixar tudo para trás?

Nunca houve tantas pessoas como agora, em nossos dias,

vivendo este pesadelo.

Suas histórias são de partir o coração.

Dificuldades. Separação. Morte.

Eu conheci muitas pessoas que perderam tanto.

Mas elas nunca perderam os sonhos para seus filhos ou a

vontade de melhorar nosso mundo.

E o que pedem em troca é muito pouco. Apenas querem

nosso apoio para o momento de maior necessidade para eles.

E a nossa solidariedade.

E é tão inspirador ver que os países que têm menos recursos

são os que mais fazem pelos refugiados.

No Dia Mundial do Refugiado, reflitamos sobre a coragem dos

que são obrigados a fugir e a compaixão daqueles que lhes

acolhem.

Vamos decidir a restabelecer a integridade do regime

internacional de proteção ao refugiado.

E vamos trabalhar para dar a cada um a chance de construir

um futuro melhor, juntos.

Apelo do Papa para o Dia Mundial do Refugiado







Publicado em 20 de jun de 2017
Falando após o Angelus na Praça São Pedro, o Papa recordou a celebração do Dia Mundial dos Refugiados no dia 20 de junho, que tem como tema este ano “Com os refugiados. Hoje mais do que nunca, devemos estar do lado dos refugiados”.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Vida de prisioneira

Vida de prisioneira: Presas da única carceragem feminina da Grande Curitiba relatam por que foram detidas e como vivem atrás das grades. Leia as histórias na Tribuna do Paraná

terça-feira, 21 de março de 2017

Agora sabemos a quem reclamar - Operação Carne Fraca DSCN6113

Convite aos Grupos Escoteiros

idatosihiro@terra.com.br

Anexos15 de mar (Há 6 dias)


para cmelojovanir.carmoClaudiomimNilsonj_dario
Prezados Amigos,

Pela presente tenho a satisfação de enviar-lhes a cópia de autorização para plantio de 20 (vinte) mudas de árvores frutíferas nativas, no dia 25.03.2017, no Parque São Lourenço, com início às 14h00.

Para isso, solicito-lhes tomarem as seguines providências, a saber:

a) - CL CARLOS EUGÊNIO CARNEIRO DE MELO
Favor providenciar CONVITE e expedir para todos os Associados do Lions Clube Curitiba Batel e Lions Clube Curitiba Sustentabilidade, com cópias para Governadoria do Distrito LD-1 e Clubes da Capital.

b) - PCC CLÁUDIO MIESSA RIGO
Favor entrar em contato com o Grupo Escolteiro São Luiz Gonzaga, para que os jovens escoteiros venham a participar do plantio;

c) - CL JOÃO CARLOS CASCAES
Favor entrar em contato com o Grupo Escoteiro frequentado pela sua Neta, para que venham a participar do plantio.

d) - Aos demais Companheiros Associados
Favor trazer pás, cortadeiras e outras ferramentas necessárias ao plantio;

e) - As mudas serão retiradas pelo CL João Dario de Oliveira, 1o. Vice-Presidente, do HORTO DA BARREIRINHA;

f) - O PDG Tosihiro Ida levará as ripinhas e barbantes plásticos, gentilmente patrocinados pela empresa COLNAGHI SKILL, que serão utilizados para proteção das mudas, tanto as plantadas em 26.11.2016, como também as do dia 25.03.2017.

Vamos fazer do dia do plantio de árvores, um dia memorável, inclusive poderão trazer convidados, amigos e possíveis candidatos a ingressarem ao nosso Clube.

Agradeço-lhes pela costumeira gentileza.

Querer é fazer acontecer.

Abraços

PMJF CL Tosihiro Ida
Diretor de Associados
Coordenador do Projeto